LEITURA EM SALA DE AULA

Trabalhar a leitura em sala de aula é um grande desafio para qualquer professor. Hoje as crianças encontram muitas outras opções, que segundo elas são mais prazerosas do que a leitura: televisão, vídeo game, internet, brincar de bola com os amigos, passear no shopping, dentre outros exemplos. Porém esta é uma visão que precisa ser mudada, mas não será de um para o outro, é lenta e gradual. É uma educação em conjunto família e escola. A criança precisa ser estimulada tanto pelos pais, que leem para a criança, até em sala de aula, onde o professor é o motivador a descobrir um novo mundo e soltar a imaginação através de um bom livro. É necessário o incentivo a cultura da leitura e somente um esforço em conjunto isso será possível.

O professor ao tomar conhecimento da realidade de seus alunos, procurará estimular esta leitura, fazendo ele primeiro uma bela leitura, aquela que despertará o prazer em seus alunos, pois é muitas vezes por meio de leitura que a criança solta a imaginação e aventura-se em um mundo só seu. Ao dar margens a essa imaginação a criança desenvolverá habilidades voltadas a interpretação textual, a linguagem oral e escrita. Como bem coloca Ruben Alves:
“Isto é verdadeiro também sobre aprender a ler. Tudo começa quando a criança fica fascinada com as coisas maravilhosas que moram dentro do livro. Não são as letras, as sílabas e as palavras que fascinam. É a história. A aprendizagem da leitura começa antes da aprendizagem das letras: quando alguém lê e a criança escuta com prazer. A criança volta-se para aqueles sinais misteriosos chamados letras. Deseja decifrá-los, compreendê-los – porque eles são a chave que abre o mundo das delícias que moram no livro! Deseja autonomia: ser capaz de chegar ao prazer do texto sem precisar da mediação da pessoa que o está a ler.”
A leitura funciona como um libertador, pois aquele que lê, imerge no livro, entrelaça-se a ele e o único limite será a imaginação do próprio leitor. É por meio de leitura que se tem uma visão do mundo, que se formulam hipóteses e constroem-se conhecimentos.
Contudo até chegar neste nível, o professor da Educação Infantil e do Ensino Fundamental precisa desenvolver toda a sua criatividade, para estimular os alunos a terem prazer em ler. Antes de qualquer coisa é preciso conhecer o aluno e seus níveis de desenvolvimento, para que a leitura esteja dentro de sua realidade, pois não tem coisa pior do que uma leitura que não é interessante e é simplesmente uma obrigação.
- Para crianças pequeninas de 0 a 6 anos por ser uma fase mágica, escolha histórias de bichinhos, brinquedos, objetos, seres da natureza ( humanizados), história de crianças, de repetição e acumulativas ( Dona Baratinha, A formiguinha e a neve), histórias de fadas.
- Para as de 7 anos escolha histórias de crianças, animais e encantamento, aventuras no ambiente próximo: família, comunidade, histórias de fadas e escolares.
- Para as de 8 anos histórias de fadas com enredo mais elaborado, histórias humorísticas.
- Para as de 9 anos, histórias de fadas vinculadas à realidade.
- De 10 anos em diante, aventuras narrativas de viagens, explorações, invenções, fábulas, mitos e lendas.
A utilização do varal é uma das formas pelas quais o professor pode dar asas à imaginação é construir um belo trabalho junto com seus alunos. É também uma oportunidade para a leitura de diversos gêneros, pois muito mais que ensinar o que é cada gênero e suas características é o aluno ter contato com eles, ler e interpreta-los. Também é um momento de descontração, pois o mais importante em uma leitura é tirar a idéia de obrigação e torná-la um momento de prazer. Neste sentido, o professor precisa ser bastante criativo. E só para lembrar: Criatividade é você fazer algo comum, porém com um olhar diferente. É importante ter em mente que este é um trabalho construído pelos alunos, daí ser tão eficaz para a leitura, pois o aluno se sente participante e autor de sua escrita.
Você pode montar seu varal de várias maneiras e com diversos tipos de temas. Pode ser um a cada quinze ou trinta dias. Depende do assunto a ser abordado.


image
OS TRÊS PORQUINHOS


Essa história é um clássico da Literatura Infantil e trabalha muito com o imaginário das crianças. Ao ler uma história precisamos conhecê-la muito bem, pois a entonação conta muito, principalmente com crianças que são leitores dependentes. Somos nós adultos os responsáveis por gerar nelas o desejo de aprender a ler.
Assim, elaborei uma proposta de trabalho para uma semana, sendo possível sua aplicação desde a Educação Infantil até o 2º Ano. 
A história servirá também para trabalhar conteúdos em:
Matemática: 
- Numerais até 04;
- Noção de quantidade em conjuntos - mais/menos
- Operações de adição e subtração até 04;
- Sequência temporal - antes e depois;


Natureza e Sociedade / História e Geografia
- A casa
- Tipos de moradia
- A família
- Recursos naturais
- Os animais


Português
- Leitura e interpretação;
- Formação de palavras e frases;
- Sequencia de história;
- Produção de texto;


Valores a serem trabalhados:
- A importância do trabalho
- O valor da amizade
- Coragem x medo


 





A primeira sugestão que coloco para contar a história é utilizando a história em sequência. Ao comprar a Revista Educação Infantil, veio como encarte. Então recortei e colei em uma folha, para ficar mais firme e mais fácil de manusear. É importante plastificar, pois assim posteriormente, as crianças poderão manipular sem estragar.















Mas, pesquisando outros blogs, também achei estas formas de contar a história:






Fonte: http://milocareis.blogspot.com

Fonte: http://www.esquindolele.com.br

Esses dedoches também são ótimos para as crianças levarem para casa e contar à família a história ouvida na escola.
  Dedoche tres-porquinhos

Uma ótima atividade para os alunos do Jardim I até o 1º Ano:
Os três porquinhos completar


Os três porquinhos colagem
3ª atividade:
Tres-porquinhos
4ª atividade:

Tres-porquinhos-3 
 
 
 
 
 
 
 

 

 
 
 
 

 

 

 

 


Outras atividades bem legais sobre OS TRÊS PORQUINHOS:
 
 
 
 
 
 

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Outra atividade ótima para Educação Infantil:
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Vi este blog com avental de contar história e amei:http://katyabarros.blogspot.com.br
 
 
  
 
 
 
 
Atividades de Produção de texto:
 
Olha só estas outras ideias, achei-as super interessantes, retirei do blog:http://adrianomessiasescritor.blogspot.com.br
 
 
  
  

OUTROS DEDOCHES E O PASSO-A-PASSO. MUITO FÁCIL DE FAZER:
  
 
Olha só que espetáculo este porquinho feito com rolo de papel higiênico. 

 
Como amo origami, este foi um achado:
 
Um lindo avental de história:
 
E outro avental:
 
  
Outra lindeza!
Agora, uma lembrancinha doce: Bolachas decoradas em forma de porquinho.
 
Cartãozinho em forma de porquinho.
 
Outro Blog, com atividades bem legais: http://professorajanainaspolidorio.wordpress.com
Vi este planejamento no site do MEC - Portal do professor. É uma ótima sugestão de atividade para produção de texto, principalmente para 3º e 4º Ano.

Dados da Aula

O que o aluno poderá aprender com esta aula
• Desenvolver a produção de textos em linguagem escrita produzida pelos alunos.
• Recuperar os principais elementos da narrativa com base na linguagem que se usa para escrever.

Duração das atividades
Quatro aulas.
Conhecimentos prévios trabalhados pelo professor com o aluno
Em uma conversa informal questionar os alunos sobre quais histórias infantis eles já ouviram ou assistiram,  qual mais gostaram, etc.
Estratégias e recursos da aula
• 1ª etapa Em círculo, leia para os alunos a história  Os três Porquinhos e anuncie que esse texto será recontado pelo grupo. Após será feito um livro que será exposto no mural da escola.

• 2ª etapa
As crianças irão assistir no data show o desenho dos Três porquinhos, observando o enredo da história.

3ª etapa

Questionamentos orais sobre os acontecimentos, recuperando a história com base em algumas passagens da narrativa. Por exemplo: “Como era a casa dos três porquinhos? Qual casinha era mais resistente? Por quê?.
Observe aos poucos os trechos vistos e lidos. Logo após, solicite ou ofereça alternativas que possam aproximá-los do enredo da história.

• 4ª etapa
Inicie a produção do texto Os três Porquinhos, seguindo as mesmas orientações  da 3ª etapa.

• 5ª Etapa
Releia o texto produzido pelos alunos. Diga que ele terá de ficar muito bem escrito, assim como no livro, pois será compartilhado com outras pessoas e todos devem compreendê-lo. Interrogue-os sobre a adequação da narrativa com base nos elementos da linguagem que se usa para escrever. Por exemplo, se o texto produzido contiver muitas marcas de oralidade (como “aí”, “né” e “então”) ou repetição excessiva de palavras, retome o conto que serviu de referência, questionando se é assim que está registrado.

• 6ª etapa
Apresente o texto produzido pelos alunos em roda no qual será feito a troca dos mesmos entre os alunos da turma para que todos possam ter acesso às produções dos colegas.

• 7ª etapa

Discuta com todas as ilustrações que farão parte de cada história e inicie a confecção dos livros ressaltando sobre a importância seqüencial dos fatos na história.

• 8ª etapa
Cole na contracapa de cada exemplar uma apresentação explicando que os textos foram produzidos e ilustrados pelos alunos, com base no que foi trabalhado em sala de aula.

• 9ª etapa 
Compartilhe as ilustrações e releia as histórias produzidas. 


Produto final
Um livro com as histórias reescritas pelo grupo para ser exposto no mural,  onde todos terão acesso aos trabalhos dos alunos.
Recursos Complementares



Livro: Os três porquinhos, folhas para a reescrita da história lida pelos alunos, lápis de cor ou canetas coloridas, grampeador, sulfite colorido para a confecção das capas.

Vídeo Os três Porquinhos.
Avaliação
Através da produção dos livros confeccionados pelos alunos, observar se houve a participação de todos durante o processo, e se conseguiram identificar que na linguagem oral e escrita existem algumas diferenças,  recuperando os principais acontecimentos da narrativa, pautada por elementos da linguagem escrita.

7 comentários:

Clotilde Pinho disse...

Excelente trabalho! Fiquei maravilhada com tanta criatividade! Parabéns! Vou aproveitar todos os detalhes ao planejar minhas aulas.

AMANDO A VIDA disse...

Obrigada Clotilde!
Espero que você tenha ótimos resultados com sua turma! Beijos!

Ana Lúcia disse...

Parabéns pelo trabalho!!!
Muito lindo!
Fiquei encantada...

Bjos

AMANDO A VIDA disse...

Oi Ana Lúcia!
Algumas atividades eu compilei de outros blogs, mas e outras são de minha experiência em sala de aula. O importante é você sempre pesquisar para criar coisas diferentes com os alunos.
Obrigada pela atenção!!

Vanessa disse...

Amei o seu trabalho. Parabéns pela dedicação... =)
Vanessa

Hilton disse...

Excelente trabalho! Fiquei muito encantado com tanta criatividade! Parabéns! Vou aproveitar todos os detalhes ao planejar minhas aulas. você me inspirou !! bjos...

Anônimo disse...

Parabéns pelo seu desempenho e criatividade. Estou maravilhada com as dicas e estratégias propostas. O mundo precisa de pessoas como você, que possa semear sementes tão férteis, mesmo sem saber quem colherá os frutos. SUCESSOS! Você merece. Rilda de Palestina- Mauriti Ceará.